Postagem em destaque

À venda

Com esse frio intenso neste inverno, a vontade de se empacotar é enorme, mas queremos ficar elegantes também! Nada como peças feitas sob med...

6.27.2016

Aprendendo crochê 2

Segundo post da série aprendendo crochê.

Aqui diversas informações úteis para efetuar um trabalho de crochê.

1 Como começar um trabalho em crochê.
Após escolher agulha e linha, faça um nó ajustável e a quantidade de pontos corrente necessária para montar a base.Caso você tenha uma receita, siga-a.
Para trabalhos retos, você pode medir a largura que deseja ( por exemplo, vai fazer uma blusa começando pela barra) e efetuar a quantidade de pontos corrente que cobre a medida.
Para trabalhos circulares, comece com algumas correntes - 5 é uma boa quantidade-, feche-as uniando a última com o nó ajustável, usando um ponto baixíssimo. Depois, faça três correntes para equivaler a 1 pa e complete o círculo em pa.
Para aplique de crochê em tecidos - como barras de panos de prato-, você pode começar diretamente no tecido, fazendo o ponto alto ou baixo sobre ele.

2 Como virar uma carreira
Quando tiver feito uma certa quantidade de pontos, você terá uma carreira, e deverá fazer outra quantidade de pontos acima desta, para prosseguir o trabalho. Como mudar de carreira?
Trabalho circular: una o fim da carreira com o começo usando um ponto baixíssimo. Você terá uma volta do trabalho, para a próxima volta basta fazer novos pontos, usando a carreira anterior como base. 


Trabalho reto ou frente-verso: 
Faça uma correntinha. Dependendo do tipo de receita que você estiver usando, pode criar correntinhas de viragem de diferentes comprimentos.
Vire o seu trabalho. Sua agulha de crochê deve estar à esquerda da peça, então simplesmente vire a peça para que a agulha fique à direita. Encontre o primeiro ponto da carreira anterior, é onde você quer inserir a agulha para começar a nova carreira. Veja na imagem.



3 Passo: Como arrematar um trabalho de crochê

Terminou seu trabalho? Veja como finalizar.
Faça o último ponto. Corte a linha uns 10 cm maior que o ponto onde está. Você deverá ter um laço na agulha nesse ponto. Agora, pegue a linha na agulha e puxe-a em direção ao laço como se fosse fazer outra correntinha. Puxe a linha até o fim, passe-a toda pelo laço.Prenda o nó. Dê um puxão firme na cauda. 
Você verá os laços atrás e ao redor dela se apertarem até parecer que a peça termina num nó. Tecnicamente, você terminou, embora não deva parar por aí, já que essa conexão pode se soltar. Pegue a cauda e trance-a pelos pontos que fez. Isso vai escondê-la e evitar que o nó feito se desmanche.

4 Altura dos pontos:

  • Ponto baixo: uma correntinha
  • Meio ponto alto: duas correntinhas
  • Ponto alto: três correntinhas
  • Ponto alto duplo: quatro correntinhas
Quando precisar virar uma carreira ou fazer alguma equivalência, use essa referência para fazer a quantidade de corr. compatível ao ponto.

5 Escolher agulha e linha
Pela sua simplicidade, o crochê pode ser feito com qualquer tipo de fio/linha e até mesmo tiras de tecido. 
As agulhas são medidas por milímetros, portanto a menor medida corresponde a menor espessura. Elas podem ser numeradas, a critério do fabricante. O ideal é usar uma agulha compatível à espessura do fio, sendo que o ponto poderá ficará mais apertado ou frouxo conforme a agulha for mais fina ou grossa em relação ao fio.  Podem ser feitos de plástico, metal, bambu, sendo que cada pessoa pode preferir um material.
Existem opções de agulhas com pontas duplas, assim você tem duas em uma. As agulhas usadas no crochê tunisiano podem ser desse tipo, assim como podem ser mais parecidas com as de tricô, porém com ponta.



Gostou? Esse post foi útil? Comente e compartilhe.